ISO 14001 and 9001 logo
EMISSORES VpCI-CORTEC

VpCI-CORTEC
PERGUNTAS E RESPOSTAS

1 - O que é um "Emissor"?
Emissores são dispositivos (copos, espumas, películas, sacolas, etc) que contêm uns componentes especiais chamados VpCI’s (Volatile phase Corrosion Inhibitors - Inibidores Voláteis da Corrosão, que evaporam  (emitem) dentro de compartimentos fechados ou embalagens. É muito parecido com a água que evapora, mas que leva anos ao invés de minutos ou horas. A Cortec normalmente refere-se aos "Emitters" como aqueles produtos que são embalados individualmente tais como os VpCI-101, VpCI-105, VpCI-110 e VpCI-111 usados em aplicações únicas. As espumas e películas VpCI’s são, frequentemente, usadas da mesma forma individual. Em geral, a maioria dos produtos Cortec contêm VpCI’s e agirão como emissores embora não sejam normalmente chamados como tal.
 

2 - Como são usados os Emissores?
Os emissores são usados para proteger da corrosão peças metálicas em ambientes fechados através da colocação de um ou mais dispositivos em um recipiente, pacote ou outro invólucro. Estes incluem gabinetes eletrônicos de todos os tipos, caixas de controle contendo relés e comutadores, caixa de controles elétricos usados para equipamentos na fábrica, caixas de controle contendo relés e comutadores, engrenagens eletrônicas a bordo de navios e aviões, caixas de ferramentas, caixas de peças sobressalentes e unidades de estocagem, caixas de fusíveis, caixas de interligações, dispositivos de telecomunicações, equipamentos analíticos, compartimentos de armas, e muitos outros que contenham metais que possam ser corroídos. São, também, extensivamente usados em containers embarcados e em embalagens.
 

3 - O que os Emissores farão por mim? Por que usar os Emissores?
Os Emissores economizarão dinheiro (e tempo) em quase todas as companhias que usam produtos eletrônicos, fazem seu processamento ou fabricação. Fazem isto reduzindo a corrosão que afeta a produção e a qualidade do produto de várias formas:
1 - Reduzem as falhas elétricas/eletrônicas nos relés, comutadores e conectores - a causa n° 1 das falhas nos dispositivos eletrônicos e elétricos.
2 - Reduzem a manutenção pela redução das falhas e substituição de peças.
3 - Prolongam a vida útil dos equipamentos.
4 - Aumentam a confiabilidade e aumentam a continuidade pela redução do nível de ruído e trepidação nos reles e comutadores.
5 - Reduzem o acúmulo de contaminantes. A qualidade e desempenho dos dispositivos eletrônicos, também, aumentam porque ficarão mais limpos e funcionarão mais confiavelmente e com menos barulho.
 

4 - Como funciona um "Emitter" ou VpCI?
Os produtos químicos (VpCI’s) que vaporizam dentro da embalagem ou compartimento são normalmente uma mistura de vários componentes especiais que formam uma camada muito fina  na superfície, à medida em que eles interagem em todos os metais presentes. Estes produto químicos são únicos na prevenção da interação do ar e umidade da água com os metais, prevenindo portanto a corrosão.
 

5 - Quanto tempo eles levam para ser eficazes?
Isto depende do tamanho, forma e temperatura do compartimento. Em geral, à temperatura ambiente, os emissores começam a funcionar imediatamente nos metais adjacentes mas pode levar até 24 horas para metais nas extremidades e espaços internos para tornarem-se saturados pelos vapores do VpCI.
 

6 - Como os Emissores podem ser eficazes mais rapidamente?
Isto pode ser feito de vários modos:
1 - Usando mais de um emissor, colocando-os em cada extremidade ou ao longo de cada ponta do invólucro ou compartimento.
2 - Pulverizando a embalagem toda inicialmente com um dos VpCI’s em pó, tais como o VpCI-307 ou VpCI-609 ou com o VpCI-337 ou VpCI-347.
3 - Tratando alguns dos componentes internos com um enxague de VpCI/ou limpador tais como o VpCI-418 ou VpCI-238 antes de colocá-los dentro do recipiente ou invólucro.
4- Aumentando a temperatura das peças ou atmosfera.
 

7 - Os vapores dos Emissores são nocivos?
A maioria dos Emissores contêm produtos químicos que não são conhecidos como nocivos, tóxicos ou inflamáveis. Alguns são similares aos componentes que hoje são usados em alimentos e bebidas.
 

8 - Os emissores são seguros para o meio ambiente?
Os Emissores da Cortec, como a maioria dos mais de 200 produtos, são bem aceitos no meio ambiente e não contêm nenhum componente conhecidamente restrito ou perigoso ao meio ambiente. A posição da Cortec no meio ambiente é bem descrita nas Folhas de Dados Técnicos CTP#5 apresentadas em Melbourne em nome da EPA australiana.
 

9 - Como se remove as películas Emissoras?
As películas deixadas pelos Emissores têm somente poucas camadas moleculares de espessura (~ 1/25,000th de 1 ou 1/500,000 de 1 mil). Elas são muito mais finas do que a maioria das camadas contaminantes que normalmente se formam em qualquer superfície e, portanto, é desnecessário removê-las visto que elas têm pouco efeito na adesão de subsequentes revestimentos.
 

10 - Os vapores dos Emissores desaparecem quando o recipiente é aberto e/ou fechado?
Sim, alguns vapores podem se perder quando um recipiente é aberto mas os VpCI’s que já foram absorvidos pelos metais, não serão dissipados imediatamente e continuarão a proteger o metal. Tão logo o recipiente seja fechado, os VpCI’s encherão novamente o mesmo de vapores.
 

11  - Quantas vezes o recipiente pode ser aberto e fechado antes de esgotar o Emissor?
Isto depende dos contaminantes químicos na atmosfera. Mas, sob circunstâncias normais, se todo o vapor sair do recipiente e todo o vapor for dissolvido em todos os componentes do recipiente, o mesmo pode ser aberto e fechado aproximadamente 4.000 vezes ou 10 vezes por dia durante um ano!
 

12 - E o que fazer com invólucros/recipientes/caixas que não estão completamente vedados?
A vida útil do dispositivo será de alguma forma diminuída, possivelmente para um ano ou menos. Embora os emissores sejam especificados para "invólucros", eles fornecerão proteção para sistemas que tenham alguma quantidade de ar circulando dentro deles. Os produtos químicos VpCIs que já foram absorvidos pelos componentes do metal mão serão facilmente deslocados, portanto uma vez revestidos de proteção, eles continuarão assim por um tempo considerável.
 

13 - E os recintos com ventiladores ou outras fontes de ar?
Mais uma vez, a vida útil dos dispositivos pode ser diminuída mas ainda assim eles fornecem uma excelente proteção, dependendo da qualidade do ar circulante entre os mesmos.  Esta proteção é melhor aproveitada se for permitido aos vapores do VpCI se equilibrarem e cobrirem os metais durante horas de paradas quando o ventilador ou outras fontes forem desligados, tais como durante fins de semana ou noites.
 

14 - Como os VpCI’s afetam as Características Elétricas tais como Resistências, Resistências Dielétricas, etc.?
Todos os testes e aplicações dos VpCI’s usados nos emissores até hoje indicam que eles não têm nenhum efeito adverso nos parâmetros elétricos. De fato, Testes feitos em Laboratórios Independentes mostraram que quando os emissores são usados, os contatos das resistências dos reles e contatos permanecem muito mais baixos porque eles inibem os óxidos e a criação de contaminantes nos contatos. Outros testes não indicaram nenhum aumento de corrente de dispersão em qualquer ponto nos painéis ou outros circuitos elétricos.
 

15 - E sobre o uso de VpCI’s em Equipamentos de Alta Frequência?
Testes realizados por Laboratório Independente não indicam nenhuma mudança no desempenho dos equipamentos HF, usando emissores VpCI.
 

16 - E o uso dos VpCI’s em Equipamentos de Alta Voltagem?
Os VpCI’s têm sido usados em equipamentos com voltagens de operação acima de 5.000 eV. Pensamos que se são usados em voltagens mais altas não haverá nenhuma interação adversa; de fato, é bastante possível que eles minimizarão a formação de componentes corrosivos o que poderia de outra forma, levar a um aumento de panes.
 

17 - Os emissores possuem atividade Desidratante?
Os emissores VpCI’s proporcionam uma pequena atividade desidratante mas seu atributo principal é o de uma "película" protetora ou camada que eles produzem sobre as superfícies metálicas. Esta camada ajuda a eliminar reações normais que, de forma contrária, ocorrem com a umidade, tornando a ação desidratante somente uma característica secundária.
 

18 - Os Emissores VpCI têm aprovação UL - Underwritter Laboratory?
A aprovação UL é, primariamente, uma exigência para características de inflamabilidade. Os emissores da Cortec, no momento, não possuem a aprovação UL, embora existam muito poucas exigências a cumprir, para obter tal aprovação.
 
 

19 - E sobre o uso de emissores sob condições severas?
Os emissores VpCI’s foram usados com muito sucesso sob condições muito adversas incluindo os aparelhos de controle remoto e caixas de relés localizadas perto do mar, em atmosferas contendo sólidos acima de 200 ppm e ácidos mistos tais como SO2, H2S, HCI, etc, e em caixas de controle parcialmente abertas, em atmosferas industriais severas.
 

20 - Sobre a proteção da prata, ouro, estanho e outros metais?
Os emissores usam uma mistura única de vários produtos químicos diferentes para proporcionar um inibidor da corrosão com uma das maiores gamas de proteção possível. São inibidores para múltiplos metais e protegerão a maioria dos metais sob muitas condições.
 

21 - Quais são os efeitos em Temperaturas mais altas?
Em geral, quanto mais alta a temperatura, mais rápido os VpCI’s evaporam. Isto significa que eles encontram o equilíbrio mais cedo mas eles serão reduzidos mais cedo também. Em uma temperatura operacional de 50° C a 60° C, poderíamos esperar que a vida útil começasse a diminuir. Quando são operados continuamente nestas temperaturas altas, sugerimos que sejam substituídos mais frequentemente do que a cada 2 anos.
 

22 - Como saber quando os emissores estão desgastados?
Existem vários modos de determinar se o emissor ainda é eficaz, mas são tão onerosos que recomendamos a substituição automática deles a cada dois anos, ou menos se as condições são severas ou se existem vazamentos ou perdas significantes do ar interno devido a frequentes aberturas e fechamentos. Somente para determinar se existe pó suficiente no emissor, basta sacudi-lo. Ou, se existem  sinais de corrosão começando no equipamento, é mais porque o pó do emissor se esgotou. Existem métodos mais sofisticados utilizando a detecção do equipamento mas geralmente são mais caros.
 

23 - Sobre o uso dos emissores VpCI’s em equipamentos mais velhos?
Embora os emissores não conduzam para a situação anterior à corrosão, quando são usados em equipamentos mais velhos, ainda aumentam a vida útil, reduzem falhas e diminuem a maioria das corrosões.
 



 

[About Cortec] [What's New] [Publications] [Products] [Contact Us] [Related Links] [International]

Cortec® and VpCI® are registered to Cortec Corporation